Nova Olimpia (MT), 27 de novembro de 2021 - 06:01

? ºC Nova Olimpia - MT

Slideshow

30/08/2021 16:08 NativaNews

Abelhas, morcegos e moscas geram R$ 43 bilhões em riquezas agrícolas no Brasil

Abelhas, moscas e morcegos realizam um trabalho gratuito para a humanidade: a polinização. Com isso, geram uma riqueza de R$ 43 milhões para a agricultura brasileira, segundo mapeamento feito por pesquisadores do Centro de Síntese em Biodiversidade e Serviços Ecossistêmicos (SinBiose).

Publicado na revista “Environmental Science & Technology”, o estudo mostra que a polinização pode aumentar em até 100% a produção agrícola. 

Os pesquisadores estudaram a importância da polinização em cerca de 90 culturas de alimentos, que vão desde a abóbora e o cacau, que obtiveram 100% de aumento de produção com a ação dos polinizadores, até a uva, cujo aumento foi de 10%. Contudo, entre esses dois extremos encontram-se outras como soja, laranja e café que se beneficiam em patamares diversos.

Abelhas, moscas e morcegos na pesquisa aplicada

O intuito da pesquisa não foi apenas mostrar a importância dos serviços ecossistêmicos para a economia, mas também promover soluções. Contando com os dados de produção agrícola, quatro faixas de demanda por polinização foram criadas. Com isso, foi possível classificar cada município brasileiro.

As soluções passam pela diversificação de cultivos, presença de vegetação nativa, restauração de áreas naturais.  A partir do estudo, gestores municipais podem criar programas ambientais pensando também nos ganhos da agricultura local.

Devastação ambiental é um mau negócio

O estudo também trouxe informações que vão além da importância da polinização, como a quantidade de vegetação natural que deve ser preservada em cada município por lei. Dessa forma, conseguiu-se verificar o défict de cada município brasileiro. A partir disso, houve uma classificação a partir da falta do cumprimento da lei e da necessidade de restauração da vegetação.

A Agência Bori, que divulgou o material, selecionou como exemplos de recomendação de alta prioridade para restauração de suas áreas de vegetação natural os municípios de Anápolis (GO) e Alta Floresta (MT), da zona de expansão da soja, Ilhéus (BA), na zona cacaueira, ou Itapeva (MG), na zona produtora de café.

Na outra ponta, Apuí (AM), Xique-xique (BA) e São Félix de Balsas (MA) foram selecionados como municípios cuja recomendação é a conservação de suas áreas de vegetação.


Crie seu novo site Go7
vers�o Normal Vers�o Normal Painel Administrativo Painel Administrativo