Nova Olimpia (MT), 29 de fevereiro de 2020 - 06:46

? ºC Nova Olimpia - MT

Slideshow

14/02/2020 14:00 olivre.com.br

Coronavírus afeta exportações de carne mato-grossense para a China

Exportações de carne para o país caíram mais de 40% em janeiro, em comparação ao volume enviado em dezembro de 2019

 

O mercado da carne em Mato Grosso sentiu os efeitos do surto de coronavírus na China. As exportações de carne mato-grossenses para o país caíram mais de 40% em janeiro, se comparado ao volume enviado em dezembro de 2019.

Em janeiro, Mato Grosso enviou 17,02 mil toneladas para a China, 13 toneladas a menos que no último mês de 2019. O valor das vendas caiu mais de 129%, passando de US$ 133,55 milhões para US$ 69,92 milhões.

Mas, levando em consideração os demais países, as exportações de carne em janeiro aumentaram e o volume é 6,32% superior ao registrado em dezembro de 2019. Os valores negociados também tiveram incremento, e subiram 35%, chegando a US$ 120 milhões.

Mesmo com a queda nos envios para o país asiático – de um mês para o outro -, a China ainda segue como o maior comprador da carne de Mato Grosso e foi responsável por 58,12% das exportações.

Já o Irã, que antes estava em segundo lugar, agora passou a ser o sétimo da lista de clientes do estado. Em segundo lugar, aparece a Itália com 4,51%. Egito, Chile e Rússia, figuram em terceiro (3,90%), quarto (3,80%) e quinto (3,79%) lugar, respectivamente.

Segundo o Imea, esta conjuntura indica que, apesar das especulações, Mato Grosso ainda segue abastecendo o mercado chinês em bons volumes. “Por enquanto, ainda há perspectivas positivas em relação à demanda externa neste ano”, diz informativo.


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo
Copie e cole seu código de anúncio AMP apenas uma vez no código-fonte HTML das páginas em que você quer exibir anúncios. O posicionamento do código de anúncio não reflete a posição do anúncio.